O livro que mudou minha vida em 2 horas: Trabalhe 4 horas por semana

Tempo de leitura: 6 minutos

Ler “Trabalhe 4 horas por semana” é como ter Tim Ferriss agarrando-lhe pelos cabelos, agitando, e dizendo: O QUE ESTÁ ERRADO COM VOCÊ? VOCÊ PRECISA USAR ESTAS DICAS PARA SER MAIS EFICIENTE!! Além disso, as dicas funcionam. Empreendedores, empresários e, basicamente, quem lê este site vai aprender toneladas de conhecimento com “Trabalhe 4 horas por semana”.

Eu realmente adorei este livro. De fato, dentro de 2 horas de lê-lo, eu tinha mudado completamente a maneira de lidar com e-mail – e eu já pensei que eu era eficiente.

Três dias depois, eu tinha mudado a maneira como eu lidar com acompanhamentos e reuniões. O livro é sobre a criação de uma infraestrutura para que você possa trabalhar apenas 4 horas por semana (uma metáfora colorida) e usar o seu tempo para atender você, em vez do contrário. As ideias de Tim sobre e-mail, terceirização e uso comercial levam-no a um novo extremo. Por exemplo, ele sugere verificar seu e-mail duas vezes por dia. Eu já tinha ouvido esta sugestão antes, mas geralmente isso foi um fracasso da reta final para mim: eu não sabia por onde começar.

Tim vai a etapa extra e fornece o texto do e-mail de autorresposta que ele usa, que basicamente diz: “Eu verifico meu e-mail com pouca frequência, então aqui está um FAQ (perguntas e respostas) que você pode ler e que provavelmente responderá às suas perguntas. Caso contrário, aqui está o meu número de telefone, ou seja paciente e eu vou lhe retornar. E, na linha mais inteligente do livro, seu auto responder inclui esta linha: “Obrigado por compreender este movimento para mais eficiência e eficácia. Ajuda-me a realizar mais para servi-lo mais. “

Quem poderia argumentar contra isso?

Você se lembra quando eu descrevi como configuro minhas contas financeiras ? Esse artigo foi um dos meus mais populares porque descreveu, passo a passo, como minha infraestrutura de finanças pessoais funciona. Tim descreve isso por todo o seu estilo de trabalho, incluindo algo fascinante que eu nunca tinha realmente considerado: os administradores virtuais ( veja uma avaliação de uma empreendedora aqui.)

Ele usa vários administradores virtuais de todo o mundo. Como ele escreve, “AV indianos e chineses… cobram $4 a US $15 por hora, sendo que a extremidade inferior é limitada a tarefas simples e superior, incluindo o equivalente a MBAs e PHDs de Harvard ou Stanford” Então ele passa a descrever exatamente como trabalhar com administradores virtuais, incluindo como dar instrução, como escolher os melhores, e – isso vai o esforço extra – os melhores URLs para encontrar administradores virtuais.

Por que você precisa de um administrador virtual? Pense em todas as coisas estúpidas que você faz todos os meses: reserva de contas, chamar Wells Fargo para questionar alguma atividade da conta, pesquisar algum ponto menor, escrever uma carta de reclamação, revisão, agendamento, lembretes e muito mais.

Francamente, quando pensei nisso pela primeira vez, pareceu ridículo. Mas então pensei sobre como agendar coisas e lidar com toneladas de minúsculas solicitações todos os meses (“corrigir o erro de digitação nesse site!”), Eu percebi como seria ótimo ser capaz de apenas enviar um e-mail rápido para um administrador virtual para lidar com isso – especialmente se eles eram bons. Este conselho (e os links fornecidos para os melhores sites de administração) por si só valem o preço do livro.

Há mais no livro. Aqui estão algumas outras ideias-chave que eu tirei:

  • “Não chegue nunca ao escritório ou na frente de seu computador sem uma lista desobstruída de prioridades. Você só vai ler e-mail não associado e embaralhar seu cérebro no dia todo” (só essa dica me salvou cerca de 35 horas desde que eu terminei o livro 2 semanas atrás.)
  • “Estar ocupado é uma forma de pensamento preguiçoso e ação indiscriminada”
  • Como terminar uma reunião no horário
  • Como convencer seu chefe a deixá-lo trabalhar em casa às sextas-feiras
  • E uma grande lição que ele ilustra: “Por todos os quatro anos de escola, eu tinha uma política. Se eu recebesse algo menos do que um A na primeira nota ou questão em uma determinada aula, eu fazia uma rodada de 2-3 horas de perguntas pelas horas de trabalho do graduador e não saía até que o outro tivesse respondido a tudo ou parado por exaustão. Isso serviu para dois propósitos importantes: 1. Eu aprendi exatamente como o professor avaliava o trabalho, incluindo seus preconceitos e hábitos.
    2. O professor pensaria duas vezes antes de me dar uma nota menor que um A. Ele ou ela nunca iria considerar me dar uma nota ruim sem ter razões excepcionais para isso, pos ele ou ela sabia que eu viria com outra visita de três horas. Aprenda a ser difícil quando for preciso. Na escola, como na vida, ter uma reputação de ser assertivo irá ajudá-lo a receber tratamento preferencial sem ter que mendigar ou lutar por isso toda vez.

Tim é um tipo de playboy estranho. Na verdade, na metade do livro, você vai estar sacudindo a cabeça dizendo: “Esse cara é de verdade?” Ele é um recordista de tango no Guinness, um campeão nacional em kickboxing, e dirige um negócio que faz suplementos “cientificamente projetados” para aumentar rapidamente a velocidade de transmissão neural e processamento de informação”, o que me faz mais do que um pouco suspeito. Algumas das táticas que ele recomenda são francamente desprezíveis. E outras pessoas têm se perguntado se ele tem um trabalho real além de autopromoção; Tim admite em seu livro que ele foi demitido da maioria deles.

Mas eu o conheci e gostei dele. Além disso, mesmo que este livro seja em alguns aspectos opostos das minhas filosofias sobre finanças pessoais – ele não é um grande fã de previdência privada – eu tenho que respeitá-lo por mostrar sua posição e me ensinar coisas concretas que eu colocaria para trabalhar dentro de um questão de horas.

Ele abraça o empreendedorismo e usa o livro para compartilhar dicas inteligentes para simplificar sua vida, automatizar seu trabalho, ser mais eficaz com seu e-mail/comunicações, reduzir interrupções e usar seu tempo para realmente conseguir algo significativo. Recomendo muito este livro. Na verdade, se o maior elogio que você pode dar um livro é que você mudou a maneira de fazer as coisas por causa disso, então este livro merece um grande elogio.

Fonte: http://www.iwillteachyoutoberich.com/blog/review-of-the-4-hour-workweek/
Tradução: Emerson de Oliveira

Comentários

comentário